Usuários online 31

Praia de Guarapocaia ou Praia do Sino - Ilhabela

Incontestalvelmente é um dos tesouros de Ilhabela. Praia de areias brancas, repleta de coqueiros e palmeiras altas, águas tranquilas e rasas e um caminho especial que leva as pedras que dão o apelido a este pedaço do paraiso. Embora Guarapocaia venha de dialeto indígena, não achamos o significado real da palavra, mas estas pedras quando recebem uma pancada emitem sons semelhantes aos de um sino sendo badalado, fazendo delas verdadeiros pontos atrativos e consequentemente turísticos, além é claro de sua beleza natural. Vale a pena conhecer uma das maiores atrações de Ilhabela, distante aproximadamente 4 Km ao norte do centro da Vila, chegando lá, uma passarela os levará até as pedras principais, onde poderão ser tocadas. Diz a lenda que no século XVII, ao amanhecer, surgiu no canal uma caravela de piratas que singrava os mares em direção a Ilha de São Sebastião (maior e principal ilha do Município atualmente conhecido como Ilhabela), a maior parte da população ainda estava dormindo, e quando os piratas estavam se preparando para abrir fogo contra a ilha, de repente ouviu-se o som sinos soando, despertando a população para em seguida estarem preparados para receber os piratas. Foi aí então que apareceu um guerreiro que tomou o comando para sí, lutando incansável e bravamente, e rapidamente fazendo o inimigo recuar. Este guerreiro era conhecido como São Sebastião. Após a batalha, a calma retornou ao pequeno povoado e todos quiseram saber onde estavam os sinos que escutaram, pois tinham certeza que não eram os da Igreja da Armação. Sem explicação, pois o povoado estava espantado e curioso, começaram a prestar atenção aos indígenas que diziam garapocaia, garapocaia e apontavam para as pedras dessa praia que desde então recebera o nome de Pedras do Sino, e que hoje é uma das principais atrações turísticas de Ilhabela. Vá conferir o som que elas emitem, é muito legal, e quando fizerem isso tentem imaginar a história acima como uma cena de filme.


PhData - Gen © 2010-2013 - Todos os direitos reservados.